Arquidiocese de Maceió | Igreja Missionária e Samaritana

Arquidiocese de Maceió | Igreja Missionária e Samaritana

Notícias / Arquidiocese

01/05/2018 20h59

Dom Genival Saraiva preside Solenidade de São José Operário, no Fernão Velho

Fiéis celebraram o padroeiro com a Missa pela manhã e, à tarde, foram às ruas em procissão

Thiago Aquino / Comunicação Arquidiocese de Maceió
Paróquia São José Operário celebra o seu padroeiro (Foto: Wanderlan Velozo / Comunicação Arquidiocese de Maceió)

A Missa Solene de São José Operário, no bairro do Fernão Velho, foi presidida por dom Genival Saraiva, proto vigário-geral da Arquidiocese de Maceió, na manhã deste 1º de maio. Os fiéis se reuniram na Igreja Matriz de São José Operário para festejar o padroeiro, e à tarde, participaram da procissão. A solenidade foi concelebrada pelo administrador paroquial, padre Marivaldo da Conceição, e pelo padre Raimundo Peretti, da Diocese de Propriá.

Maria Socorro faz parte da Pastoral da Acolhida e do Apostolado da Oração. A devoção por São José faz parte da sua vida e ela se emociona quando fala do padroeiro. “Sou apaixonada por São José: ele foi o pai adotivo de Jesus, é o patrono da Igreja e o nosso padroeiro. Tudo o que peço a Deus, ele intercede por mim, inclusive já alcancei a graça de um emprego e a da minha saúde”, relata, emocionada, a fiel. “Quando alguém me vê com a camisa de São José, pode dizer: a Socorro está pedindo ou agradecendo”, diz, em tom de humor.

Pela primeira vez, a paróquia contou com a animação do Encontro de Casais com Cristo, o ECC, que foi implantado recentemente na comunidade. Antônio Fernandes é um dos participantes, e, para ele, é mais um motivo para celebrar este dia: “Graças a intercessão de São José, hoje temos o ECC em nossa paróquia e estamos felizes animando a Missa Solene e pedindo a Deus, por intermédio de São José, para que os desempregados possam encontrar uma oportunidade”, disse o morador do Rio Novo.

Dom Genival Saraiva, em entrevista o portal da Arquidiocese de Maceió, explicou que a data festiva traz, também, uma reflexão para a sociedade. “Com esta comemoração, a Igreja está nos dizendo como é importante o trabalho na condição humana: uma forma de realização pessoal e na forma da sustentação honesta da família, além da dimensão comunitária que cada trabalho tem. É o que fica como missão desta festa: a valorização do trabalho”, pontuou o proto vigário-geral, que durante a homilia destacou São José como modelo de vida com dignidade e justiça.

Diante da realidade do desemprego no país, dom Genival também lembrou que os cristãos têm um papel importante neste ano. “Temos a grande preocupação com esta fase de desemprego acelerado no Brasil e, a Igreja como presença educativa, pede que, neste ano eleitoral, os eleitores vejam quem dá atenção ao trabalho e que tenham cuidado para não errar na escolha dos candidatos”, alertou.

A Festa de São José, na Paróquia São José Operário, teve início no dia 22 de abril com o novenário. Os fiéis refletiram o tema “Como leigos servidores do reino, honremos São José”. “Por estarmos no Ano do Laicato, toda temática da festa foi sobre a vocação do leigo, que tem a missão de levar Cristo a todas as dimensões da vida, a todas as estruturas da sociedade”, falou o administrador paroquial, padre Marivaldo da Conceição.

Ele lembra que os devotos costumam celebrar com fervor o padroeiro, para pedir, mas também agradecer. “O povo pede a Deus por emprego e, por meio deste poderoso intercessor São José Operário, muitas graças são alcançadas pelas pessoas simples, pais que pediram pelos seus filhos, filhos que pediram por seus pais, então eles voltam e agradecem”.

Sem comentários! Seja o primeiro!!!
Deixe seu comentário

ARQUIDIOCESE DE MACEIÓ | Igreja Missionária e Samaritana

Pastoral da Comunicação Cúria: (82) 3223-2732 ou 3021-4001 (07h30 às 14h) Gabinete do Arcebispo: (82) 3326-2321 (8h às 12h) PASCOM: (82) 3326-5458 (8h às 14h) Av. Dom Antônio Brandão, 559 – Farol 57051-190 Maceió – AL